Page images
PDF
EPUB

effeito tambem se manifesta quando as arvores estão mos de expor nos parecem suficientes para o fina a em sitios sombrios; apenas criam pequenos reben- que nos propozemos. Por mais extraordinarios e contos, e não copam. As arvores, plantadas em sitios tradictorios que pareçam, nem por isso deixam de elevados, onde as açoitam muito os ventos frios, são ter facil explicação aos olhos do philologo, que quer em geral pouco ferteis, porque os botões de fructo reflectir nas causas differentes que produzem este não resistem as geadas.

phenomeno ethnographico, com todas as anomalias Nos dois primeiros casos convem des bastar os po- que o acampanham.» mares, arrancando uma arvore entre duas; no ulti- Qual é pois esse principio de explicação ? Ei-lo mo caso é preciso retardar a lorescencia, o que se aqui, nas proprias e originaes palavras de M, Balbi : consegue collocando na terra em roda do tronco pe- Lorsque deux peuples, et par conséquent deux daços de gelo.

idiomes, se sont choqués, l'idiome le moins cultivé, C. Terreno contrario. — Uma arvore nunca deve le moins littéraire, s'est perdu en grande partie ou ser substituida por outra da mesma especic, pela ra- entièrement ; car ce n'est pas la conquête, la domisão de que a primeira tendo absorvido da terra to- nation, qui introduit et maintient tel idiome dans dos os succos necessarios á sua especie, a segunda telle contrée : c'est presque toujours la supériorité não acha na terra estes succos, exhauridos pela pri- relative de l'idiome qui finit par le rendre dominant, meira. – Se, entretanto, por qualquer motivo, con- soit qu'il appartienne au vainqueur, soit qu'il apparvier que uma arvore suppra outra da mesma , espe- tienne av vaincu. » cie, é preciso tirar, sobre um circumferencia de no- ( auctor da Refutação não se esqueceu de apreve palmos de diametro e pouco menos de fundo, a sentar esta doutrina de M. Balbi, e com toda a rasão terra onde vegetou a primeira arvore, e encher a co-conclue d’este modo; — «Fazendo applicação d’este va, que d'ahi resulta, com terra nova e boa. Sem principio incontestavel em linguistica aos hespanhoes isto a arvore, que se plantar, vão prosperará. Le portuguezes, não pode duvidar-se que a lingua la

A esterilidade tambem provém de ser o sólo, pa-tina, só pela sua superioridade sobre os dialectos ra onde as arvores são transplantadas, differente d'a- peninsulares, ainda independentemente da influencia quelle onde foram creadas. Precisam n'este caso de religiosa e da legislação, devia a final acabar por abalgum tempo, primeiro que se acostumem ao no- sorve-los, e ficar dominando exclusivamente o paiz. vo terreno. Se o sobsólo é formado de area, casca- E em demonstração do muito que eram afeiçoados Iho ou rocba, as arvores param no seu desinvolvi-ás leltras romanas os habitantes das Hespanhas, e mento logo que as suas raizes tiverem atravessado a para se avaliar a boa vontade com que por elles secamada de terra vegetal, e não produzem mais nem ria acolhida a lingua latina, faremos menção de dois rebenlos novos, nem botões fructiferos. Tambem se exemplos que cita Aldrete no cap. 22 da sua obra, tornam estereis, ainda que sejam das especies mais Del origen y principio de la lengua castellana. = productivas, se encontram um terreno fraco : produ- Seja o primeiro o facto referido por Plinio, liv. 2.', zirão, é verdade, botões fructiferos, que chegam a Epist. 3.: «Nunquam legisti Gaditanum quemdam desinvolver-se em Dores, mas a falta de nutrição os « Titi Livii nomine, gloriaque commotum ad visenfará cahir, ou se assim mesmo derem alguns fructos, «dum cum ab ultimo lerrarum orbe venisse, statima estes nunca chegarão ao tamanho que devem. aque ut viderat abiisse ? » - Seja o segundo o facto

As arvores, que se acham n'estes casos, podem referido pelo mesmo Plinio, liv. 3., Epist. ad Maser reanimadas por estrumes applicados discretamen- crum : « Referebat ipse (Plinius maior) potuisse se, te, por cavas na terra, pela limpeza do tronco, etc, «cum procuraret in Hispania, vendere hos Commen

Um terreno forte em demasia tambem pode cau- « tarios Laertio Licinio quadringentibus millibus numsar a esterilidade Esta provém então de um excesso « mum, et tunc aliquanto pauciores erant. E com.efde succos nutritivos, que, enchendo rapidamente to- feito, poderia acaso succeder que um homem se ardos os vasos, os alargam primeiro, e espalham-se de rojasse a ir de Cadix a Roma, só para ver Tito Lipois em todas as ramificações, onde geram um gran- vio; e que um estrangeiro offerecesse dez mil escude numero de ramos parasitas e pouco fructiferos. dos pelos livros de Plinio Maior, se no tempo em Remedèa-se este mal, misturando n'esta terra forle que esses factos foram praticados não bouvesse uma outras fracas, area, etc., ou sangrando a arvore. decidida paixão pelas lettras, e se o idioma e os es

criptos dos romanos não fossem estimados nas Hes(Continuar-sc-ha.) panbas?

Não nos contentemos porém com estes testemunhos, e ouçamos a opinião de um homem, que n'estas materias gosa de grande conceito, o já citado Denina (Tom. 2. Part. 4. sect. 1. art. 1. pag. 116 e 117): «Il est bien sûr que les Hispaniens avant que les Romains portassent leurs armes sur l'Ebre et le Ta

ge, parlaient une langue peu différente de celle A Litteratura.

que parlaient les Gaulois et qu'après que les Row IX

mains étendirent leurs conquêtes vers l'occident, l'Es+ (Continuado do n.° 40.)

pagne leur fut soumise de gré ou de force bien avant

que, César eut conquis les Gaules. Ainsi la langue 676 «JOLEAMOS util multiplicar estes exemplos, des conquérans et maltres fut introduite et établie diz por fim M. Balbi, porque os factos que acaba-l en Espagne, sous ses premiers successeurs, et à pei

PARTE LITTERARIA.

[ocr errors]

ne on siècle s'était-il écoulé depuis la mort de Ci-1 D'aqui resultou poder Plinio dizer já : « Et tot pocéron et de César, et un demi-siècle depuis celle de «pulorum discordes, feras que linguas sermonis. comTite-Live et de Virgile, que les auteurs nés en Es- mercio contraheret ad colloquia ; » a cujo respeito pagne étaient estimés autant ou plus même que les observa Aldrete: «No se pudo dezir, ni mas breve, Romains et qu'aucun de leurs contemporains nés en «ni con mas propriedad el averse reduzido las proItalie. Je dirai que, quoique la préférence qu'on don- « vincias a la lengua latina. nait à Sénèque sur Cicéron, à Lucain sur Virgile fût E finalmente, por tal motivo disse com rasão o vainjuste ; elle prouve toujours le génie naturel des lenciano Luiz Vives : «Curabant ergo Romani, ut in Espagnols, puisqu'ils se sont si hautement distingués « Hispanias, et Gallias Latinas prorsus fecerint vetedans un pays où la culture des lettres était portée au «ribus illarum gentium linguis abolitis. Rem proplus haut degré, et de l'autre côté cela ne laisse pas «fecto conabantur pulcherrimam, et toto humano gelieu de douter, que la langue romaine ne fût dès le «neri utilissimam, quocumque id fine facerent, ut temps d'Auguste la langue dominante en Espagne, «esset una aliqua lingua, qua se gentes omnes musurtout dans les premières classes des habitans, qui « tuo intelligerent. » ne lardèrent pas à la rendre commune, même au bas- Vejamos agora como o Sr. A. Herculano tracpeuple. Aussi Horace nous apprend-t-il en termes bien tou esta questão na a Introducção á Historia de Por. clairs, que ses ouvrages ainsi que ceux de tous les tugal. » bons auteurs latins avaient grands cours en Espagne, O Sr. Herculano, pondo de parte o exame do moet que dès avant les beaux jours de la littérature la- do cómo se operou a alteração da linguagem bispatine, elle y était cultivée avec succès plus même que nico-romana, demonstra concludentemente que os redans la Gaule méridionale, où d'ailleurs les études sultados da conquista romana se estenderam até á étaient assez Qorissantes. Me peritus discel Iber, dit- transformação dos idiomas da Hespanha, fossem elil, Rhodanique polor. (Ode 20, liv. 2.) Quelque sens les quaes fossem. A organisação administrativa das que l'on donne à cet épithète de peritus, qu'on le provincias era apropriada para romanisar as gentes fasse signifier en général instruit, exercé, formé, ex-domadas pelas armas ou pelas allianças, fazendo-lhes périmenté, ou qu'on le prenne dans la signification esquecer até a linguagem nativa. -- Segundo a opiparticulière d'expert, exercé dans l'étude du latin, nião de M. Guizot, o systema de povoação dos rocela prouve toujours que les Espagnols étaient déjà manos era, até certo ponto, o inverso do nosso. Em versés et fort avancés, dans le lalin. Persone'n'igno- todas as provincias sujeitas a Roma relectia-se a vire que sous Vespasien le meilleur maître de Rhéto- da social d'esta. O municipio, que fóra a fórmà de rique et un des poètes les plus en vogue, étaient Es- sociedade com que a republica nascêra, vigorára e pagnols. »

crescêra, e que as revoluções interiores, a tyrannia Apertemos ainda mais o ponto, para demonstrar dos Cesares, e até a invasão dos barbaros, não podem que essa mudança de linguagem, e adopção da lati- ram extinguir, reproduziu-se por todas as partes onna, longe de serem impossiveis, eram, pelo contra- de chegou o dominio romano. rio, indispensaveis, é necessariamente determinadas « Nas Gallias, na Hespanha, diz M. Guizot, não pela natureza das coisas. Ouçamos o que a este res- encontraes senão cidades. Os territorios desviados peito diz o erudito Aldrete, já citado :

d'ellas estão cobertos de selvas e alagadiços. Averi« Forçoso era, que el que venia a hablar, y rogar guae qual seja o caracter dos monumentos, das vias a al que señoreava la tierra, aun que no fuesse sino romanas. Achareis estradas reaes, que vão de cidade « por lisongearle, le hubiesse de hablar en su len- a cidade; porém essa multidão de caminhos encru«gua. Juntavase con esto el excluir a los que no la zilhados, que hoje sulcam o territorio, eram então « sabian de todas las causas civiles, y aun de ser incognitos. Nada havia que se parecesse com a indi«testigos, como Tiberio quiso, que no lo fuesse el zivel quantidade de monumentosinhos, d'aldeias, de « otro soldado, sino dezia su dicho en latin, y los castellos, d'igrejas, dispersos pelo paiz desde a eda« antiguos jurisconsultos dudaron, si los que no lo de media .... Examinae a que luz vos aprouver o « sabian podian ser testigos de testamentos, por que mundo romano, que sempre achareis essa preponde« les pareció, que avian de entender lo que contenia, rancia quasi exclusiva das cidades, e a não existen« que era en latina Gran motivo para aprenderlo, vien- cia social dos campos. » «do que no sabiendolo bo'eran admitidos á ser jue- N'este facto fundamental, que distingue a civilisaazes, de Claudio se refiere, que a un varon illustreção antiga da moderna, encontra o Sr. Herculaño a a principe en la provincia de Grecia; por que lo explicação da facilidade e rapidez com que os roma« ignorava, no solo lo borró de la lista de los jue nos convertiam as outras nacionalidades na súa, e a zes, pero tambien le privó, de que no fuesse ciuda- alcançavam, até, substituir a propria linguagem á «dano romano. Splendidum virum, Gretive que provin- dos povos subjugados : «tiæ principem veruir Lalini sermonis. ignarum non «A assimilação, diz o Sr. Herculano, devia ser « modo albo judicum erasit, sed etiam in peregrinita- tanto mais facil, quanto os vencidos fossem ou mais « tem redegit. Que no aprendiera quieó assi se via barbaros, ou de raças mais misturadas. Nas Gallias a tratar ? Cada uno de razon devia temer semejante realisava-se principalmente a primeira hypothese ; na « afrenta. - Creció con esto la lengua latina en las Hespanha principalmenle a segunda. Imaginemos a « provincias, si bien no tan para, y elegante como gente nativa, encerrada nos mutos das cidades, Out « en Roma, donde era natural, y aquel cyelo la ayu- reconstruidas ou edificadas de novo pelos romanos,) adava, para que se diesse mejor a los que en aquel sujeila, com o correr dos tempos, á organisação ad-1 «suelo habitavan.

ministratira, judicial; e militar dos conquistadores

.

frequentada pelos seus magistrados, funccionariosi e | fallarem o arabe, conservando, todavia, os nomes
exactores, aquartelando as suas tropas, tractando os proprios da origem grega, latina e goda, como se vê
pleitos nos seus tribunaes, recebendo dos romanos os da historia e dos documentos d'esse periodo. .
commodos da vida e os objectos de luxo, correndo

de "Cita depois a anecdola de Aulo-Gellio, que acima
aos theatros que se alevantavam por toda a parte, e referimos já, e conclue assim : «Em um livro philo-
aonde os altrahiam as graças e as pompas do drama logico, Gellio, chamando ao latim lingua patria de
latino, e recolhendo nos proprios muros um grande um hespanhol, não nos deixa a menor duvida de que,
numero de individuos, que, depois de militarem nos no tempo de Hadriano, esta linguagem não era para
exercitos de Roma, ripbam, transformados em roma- um filho da Hespanha um idioma estudado nas es-
nos, orgulhosos da illustração adquirida no meio cholas, mas a propria do seu paiz. »
d'elles, converter, com o desdem da superioridade, Terminaremos este artigo mostrando que as passa-
á vida e á linguagem da Italia os membros mais gens de diversos auctores lalinos, citadas pelos de-
grosseiros das suas familias. Depois, quando estas e fensores das origens celticas, não destroem a doutri-
mil outras causas de assimilação, actuando por secu- na que acabamos de expor. (Vej. « Mem.». do Sr. S.
los, produziram todo o scu effeito, as differenças que Luiz, e « Opusculo »).
distinguiam os vencidos dos vencedores desappare-

José SILVESTRE RIBEIRO.
ceram inteiramente. Caracalla, attribuindo o carac-
ter de cidadãos romanos a todos os homens livres do

(Conlinuar-se-ha.)
imperio, não fazia uma revolução nas instituições ;
mas declarava simplesmente, que um grande facto
social se achava consummado. »

Poesias do Templo de Salomão.
O testimunho dos escriptores d'esse tempo estará
acaso de accordo com a antecedente deducção dos

Pelo Sr. Mendes Leal Junior.
factos sociaes? Sim, como o prova a seguinte passa-
gem de Strabão, a que já se alludiu no artigo ante-

АСТО І.
rior : «Acresce á bondade do clima que desfructam
os turdetanos, a brandura e a civilisação, o que, se-

CÔRO DE DONZELLAS DE BENJAMIN.
gundo Polybio, é tambem commum aos celticos pela
visinhança e parentesco, posto que em gráu menor, 677 Encher á sombra da palma ;
por habitarem de ordinario em logarejos. Os turde-

Que á fonte de Siloé
tanos, porém, principalmente os das margens do Be- Vem logo matar a calma
tis, tomaram de todo os costumes romanos, esque- Os ceifeiros de Jessé ;
cendo até a propria lingua, e muilos, tornados lati- E outras sedes trazem n'aloa
nos, receberam no seu seio colonos de Roma, fallan-

Os ceifeiros de Jesse :
do pouco para inteiramente serem romanos. As cida-
des ultimamente edificadas, Beja entre os celticos, Encher á sombra da palma
Merida entre os turdulos, Saragoça entre os celtibe- Que elles vem matar a calma
ros, e varias outras colonias provam essas mudanças

Á fonte de Siloé.
de aspecto da sociedade. Os hespanhoes, que seguem
este modo de viver, chamam-lhes stolados ou toga-

CÔRO DE SEGADORES E DONZBLLAS.
dos, entrando n'este numero os celtiberos, tidos n'ou-
tro tempo pelos mais feros e desconversaveis de to- Sulca as ondas da loira seara
dos. »

Incansavel, tenaz segador;
Ora, se já no XV anno da era christã, e IV do Mas o premio no fim lhe prepara
imperador Tiberio (em que Strabão escrevia a sua Mão potente do Deus seu Senbor.
grande obra geographica) a transformação romana
havia lançado tão profundas raizes, não admira que Benjamin mil thesoiros encerra ;
desde essa epocha todos os monumentos historicos Que é, nas tribus, a tribu fiel :
conspirem em nos mostrar os habitantes da Peninsu- Dá-lhe a bençam, fecunda-lhe a terra
la inteiramente identificados com os romanos.

Seu bom Pae, santo Pae d'Israel!
« Entre os muitos factos, que fora facil amontoar
em prova d'isso, um dos mais notaveis é, em nosso

CÔRO DO SACRIFICIO DA PARTIDA.
entender, o usarem de nomes puramente latinos to-
dos os individuos hespanhoes do tempo dos impera- Leve Deus a bom recado,
dores, de modo que os nomes barbaros desappare- Leve Deus o viandante ;)
cem inteiramente, circumstancia que se não repetiu Noite e dia, a cada instante
durante o dominio dos' wisigodos, quando aliás cre- O proteja no seu fado.
mos indubitavel o haverem estes abandonado a lingua Leve Deus o viandante,
gothica pelo romano-rustico, sem que por isso dei- Leve Deus a bom recado.
Xassem de figurar na historia os Theodoriks, ou Eu-
riks, os Heermangilds. E o mesmo se pode dizer do O holocausto da partida
dominio arabe, darante o qual, segundo o testimu-

Israel lhe faz propicio;
nho, tantas vezes citado, de Alvaro de Cordova, los Israel no sacrificio 7110
mosarabes esqueciam a sua lingua romana para só Lhe preside a despedidas

[merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][ocr errors][merged small][merged small][ocr errors][merged small][merged small][merged small][merged small][ocr errors][merged small][merged small][merged small][merged small][ocr errors][merged small][merged small][merged small][ocr errors][merged small][merged small][ocr errors][ocr errors][merged small][merged small][merged small][merged small]
[blocks in formation]

2

Salomão, Salomão, despe a vaidade,

Que vês em toda a parte;
O Senhor, que te deu a magestade,

Póde ao nada tornar-te.
D'onde veio o poder de que te ufanas?

Se és o eleito do céu,
Tirar-te póde as purpuras mundanas

O mesmo que t'as deu..
Em quanto ris e folgas sem respeito,

Uma victima geme.
O ungido do Senhor quebrou seu preito :

O rei, prostra-te e treme!

O Templo, ó rei, que as nuvens elevaste,
Ante os olhos de Deus favor não acba ;
Os primeiros sacrificios regeitados,
E os agoiros contrarios te annunciam
Que o Senhor não acceita a tua offerta.
Um crime em Israel foi consummado,
E tu, ó rei, não castigaste o crime !-
D'este templo os umbraes transpor não podes
Sem que á justiça tenhas satisfeito!
Que do idolatra o pé manchar não possa
O marmore sagrado. O céu ameaça !,
Monarcha d'Israel, curva o joelho,
Humilba-te ao teu Deus, sê penitente,
Que o raio do Senhor vem imminente.

VERSOS DO ANJO AZAEL, na destruição do templo de 's

(Salomão cahe com os joelhos em terra.)

No templo do Senbor erguer quizeste riti
Ao lcu orgulho nm monumento vão : -
Arrepende-se, ó rei, o exemplo é estes & M.
Olba, attende e medita, é Salomãok:

Roja a fronte no pó, que no teu povo

Já o irmão chora a irmā :

[merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][ocr errors][ocr errors][ocr errors][ocr errors][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small][merged small]

Rei, ouviu-te o Senhor, que a ti me envia!

Tu transgrediste a lei;
E a transgressão te pune essa agonia.

Escuta, pois, ó rei!
O crime é quem a fronte hoje te humilha ;

Foste injusto e cruel; Manchaste a mais gentil, mais nobre filha

Das filhas d'Israel !
Benjamin noite e dia afflicta chora

A virgem que perdeu.
Mas ella vive, é mãe, seu filho adora,

E aquelle filho é teu.

ANTONIO JOSÉ DOS REIS.;

Risti 679 O TRABALHO e a probidade constituem o unico brasão do commercio.'1 " X din

A riqueza passa desapercebida pela terra, sem que as boas almas a saudem, se por ventura não é obra de um trabalho seguido, e de uma probidade constapte. iliis, 20%} .111.rso

No dia 1 de Agosto a morte do Sr. Antonio José dos Reis privou a classe commercial de um hornem, que, pelos meios de que fizemos menção, soube cercar a sua memoria das lagrimas e bençãos dos pobres.

Reine comtigo a timida donzella

No throno de Judá;
R o filho da traição nos braços d'ella

Com ella reinará. ! 11
Teu mal acabe então! Deu-ta 'uma noite"

De culpado prazer ;

« PreviousContinue »