Os arquivos e as bibliotecas em Portugal

Front Cover
Imprensa da universidade, 1920 - Archives - 331 pages
0 Reviews
Reviews aren't verified, but Google checks for and removes fake content when it's identified

From inside the book

What people are saying - Write a review

We haven't found any reviews in the usual places.

Selected pages

Other editions - View all

Popular passages

Page 117 - Provincia que não atteste esta verdade. Bem poucos dias ha que o NPM Provincial asseverou na minha presença isto mesmo, e que me disse que em tantos annos que tivera de moradia no Convento de Portalegre só vira hir algumas vezes á livraria o Commissario dos Terceiros, e mais é um dos Conventos principaes; qual será o uso ea conservação das livrarias nos mais pequenos? A livraria do Convento do Loureto presumi achar eu sem estes estragos...
Page 105 - Pergaminhos, e os juntou em huma gaveta. Outro Cartorario do Cabido de Vizeu levou para caza todos os q achou q não servião, por serem de letra emperrada, e fez Auto de Fé no seu quintal; de forma que as Doaçoins de D. Fernando de Leão àquella Sé, e outros Documentos coevos, e anteriores à nossa Monarchia em vão se lá procurão».
Page 125 - Tombo : índice geral dos documentos conteúdos no corpo chronologico existente no Real Archivo da Torre do Tombo. Mandado publicar pelas cortes na lei do orçamento de 7 de abril de 1838. Tomo 1.
Page 105 - Memoria de Fr. Joaquim de Santo Agostinho, o que se explicará pela sua impressão parcellar. (8) V. Joaquim José Ferreira Gordo, Apontamentos para a historia civil e litteraria de Portugal e seus domínios, collegidos dos Manuscriptos assim nacionaes, como estrangeiros que existem naBibliotheca Real de Madrid, na do Escurial e nas de alguns Senhores, e Letrados da Corte de Madrid, nas Memorias de Litteratura da Academia Real das Sciencias, vol.
Page 119 - As livrarias foram levadas a monte. Tudo roubou. Primeiro acudiram os que se tinham na conta de entendidos ; depois os curiosos ; por ultimo a canalha rasa, que roubava para vender a peso.
Page 110 - Reculo em Lamego o calou a Benedictina, mas consta de hum processo no cartorio dos Loyos de Lamego, em que hum Prelado da mesma Diocese figura com a mesmo Abbadeça, se tal nome merece quem so teve o titulo, e se conservou em trajo secular, divagando, cazando segunda vez, vivo o primeiro marido etc. Exaqui anedoctas taes quaes se enconträo: muito pouco de ritos e Disciplina, menos respectivo á moral, apezar das minhas diligencias que isto tinhäo...
Page 173 - República decreta e eu promulgo, para valer como lei, o seguinte: CAPÍTULO I Da natureza dos serviços Artigo 1.
Page 162 - Relatorio do ministerio dos negocios estrangeiros apresentado ás Cortes na sessão ordinaria que teve principio em 4 de novembro de i86o.
Page 111 - Alz. actualmente os analysa era hua Memoria Philologica que pensa enviar á Academia. Elle tem bastante estudo e gosto na nossa Linguagem, e leva hum plano menos mau. Os Estractos das tres versoins do mesmo Fr.
Page 117 - Provincia (franciscana) á excepção de uma até duas; parece isto incrivel, mas a prova é tão evidente que não ha que duvidar. A serventia de muitas d'ellas é guardar trigos, lãs, habitos velhos, vestiarias, e outras cousas, todas tendentes á dissipação dos mesmos livros, assim por sua qualidade, como pelo máo resguardo d'ellas em andarem as chaves por muitas mãos. Outras são casas sempre fechadas, onde a falta de ar, a humidade, a multidão de ratos e outras sevandijas tem estragado...

Bibliographic information